segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Vontade de comer o mundo

Umas das frases que ouço vez por outra é: nossa, o bom de operar é que não sente mais fome né? 
Oi!!!!!! Como assim não sente fome ??? Quem dera. 
Durante um certo tempo ( que varia muito de pessoa para pessoa) a fome meio que some de verdade, no meu caso eu digo que o único período real em que não sentia fome foi logo no primeiro mês pós Gastro, que na verdade eu sentia apenas uma vontade de mastigar, até porque com aquele tanto de copinho que tomamos de 15 em 15 minutos nem da tempo de sentir a tal da fome mesmo. 
Só que para a infelicidade geral na nação obesa uma hora a fome aparece mesmo e temos que aprender a conviver com ela .
De início vários fatores nos levam a comer menos, a não ter tanta fome, porém com o tempo esse quadro tende a mudar e muito. 

Hoje à beira de completar 4 anos de bariátrica to numa fase que tem dias de vontade de comer o mundo ( sorte que não cabe 😁😁😁), apesar de ter dias em que de fato a fome é quase inexistente ( dias raros, mas existem 😂😂😂).

Até 1 ano de bariátrica, por exemplo, eu comia muito mal 1/2 Subway de 15cm e isso sem nada acompanhando, comia em torno de 150g no almoço, enfim, era um passarinho. Mas dai com o passar do tempo percebi que cabia mais e também que a fome aumentava. 

O mais difícil, na verdade é identificar se é fome mesmo ou apenas meu olho de gordo gritando por comida ( na maioria dos casos têm sido a segunda opção). 

Mesmo que não consigamos comer muito de uma única vez como antes de operar, se não tivermos um controle sobre nossa vontade de comer (porque nem sempre é fome de verdade), vamos acabar comendo muito, por exemplo, beliscando toda hora. 

De maneira geral, dumpping e entalos podem até ser considerados um controlador para não passarmos da conta, porém o fato é que nem sempre as duas opções aparecem quando a gente está diante da comida e ai só depende realmente da nossa vontade comer certo ou não. 

Para muita gente a reengorda é simplesmente a falta de vergonha na cara de quem operou, mas o fato é que ninguém opera a cabeça apenas se reduz o estômago, mas a cabeça de gordo continua lá, nos mostrando cada vez mais que a bariátrica não faz milagres, ela é uma ferramenta muito boa e a verdade é que temos que viver atentos aos riscos de uma reengorda controlando a vontade de comer o mundo. 


Um comentário:

  1. Aprender a diferenciar fome e vontade de comer eh um aprendizado diário, não é facil mesmo.

    ResponderExcluir

Participe, deixe seu recado.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...